Radio Atlântida

terça, 10 setembro 2019 08:24

Governo dos Açores implementa este ano duas novas medidas de apoio ao investimento na agricultura, afirma João Ponte

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas anunciou hoje que, a partir de novembro, os agricultores vão poder candidatar-se aos programas I9AGRI e PROAGRI, destinados a apoiar a inovação, a modernização e o aumento da competitividade das explorações agrícolas nos Açores.

 

“Trata-se de duas medidas importantes de apoio ao investimento e para continuar a desenvolver o setor, numa fase de transição entre quadros comunitários de apoio”, afirmou João Ponte, acrescentando que, além de cofinanciar a introdução de práticas inovadoras nas explorações agrícolas, como seja a aquisição de software para gestão e maneio, apoiará a aquisição de equipamentos e máquinas, assim como a realização de obras de melhoria ou construção de imóveis, redes de abastecimento de água ou energia elétrica de baixa tensão.

 

O governante, que falava, em S. Miguel, à margem de uma reunião com o Presidente da Federação Agrícola dos Açores, adiantou que os novos programas PROAGRI e I9AGRI permitirão cofinanciar investimentos elegíveis até 10 mil euros, no primeiro caso, e 20 mil no segundo, com taxas de cofinanciamento que variam entre os 30 e os 50%, consoante a tipologia do investimento.

 

  

“Com estes apoios, o Governo Regional está a ajudar o setor agrícola a desenvolver-se e os agricultores a avançarem com pequenos projetos de investimento, que vão contribuir para melhorar os rendimentos das suas explorações”, salientou João Ponte.

 

O governante referiu ainda que, durante o mês de setembro, será concluído o trabalho de elaboração das portarias do I9AGRI e PROAGRI, bem como das respetivas aplicações informáticas para entrega das candidaturas online, de modo a que, logo após o fim das candidaturas aos incentivos ao gasóleo agrícola, os Postos de Atendimento Agrícolas possam iniciar o período de receção de candidaturas a estas duas novas medidas.

 

Relativamente à adaptação à Região do Estatuto Nacional da Agricultura Familiar, João Ponte revelou que a proposta de Decreto Legislativo Regional será remetida para agendamento em Conselho de Governo em outubro, para, depois de aprovada, seguir para a Assembleia Legislativa.

 

“A adaptação do Estatuto Nacional da Agricultura Familiar aos Açores é importante para proteger a pequena agricultura, fixar pessoas no meio rural e criar emprego”, afirmou João Ponte, acrescentando a agricultura familiar é essencial para estimular o rejuvenescimento do setor, mas também para garantir a manutenção da pequena agricultura e as atividades no mundo rural, gerando mais sustentabilidade.

 

O Estatuto da Agricultura Familiar pretende reconhecer e distinguir a especificidade deste tipo de atividade nas suas dimensões económica, territorial e ambiental, bem como promover políticas públicas adequadas e os seus direitos, nomeadamente que contribua para a melhoria do rendimento dos produtores, simplifique os processos em matéria de licenciamentos, reforçando as potencialidades e mais valias dos territórios rurais.

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. MAROON 5
Girls Like You
2. DAVID GUETTA feat. SIA
Flames
3. IMAGINE DRAGONS
Natural
4. LADY GAGA feat. BRADLEY COOPER
Shallow
5. CALVIN HARRIS feat. SAM SMITH
Promises
6. CHEAT CODES feat. LITTLE MIX
Only You
7. LAUV
I like me better
8. TOM WALKER
Leave a light on
9. FREYA RIDINGS
Lost Without You
10. VITOR KLEY
O Sol

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores