Radio Atlântida

sexta, 12 julho 2019 13:59

Diretor Regional de Apoio ao Investimento e à Competitividade destaca vantagens do processo de licenciamento industrial mais simplificado

O Diretor Regional de Apoio ao Investimento e à Competitividade destacou hoje o facto de existirem nos Açores 853 estabelecimentos industriais licenciados, distribuídos pelas nove ilhas, dos quais 45% se encontram na ilha de São Miguel, 22% na Terceira e os restantes 33% nas outras ilhas.

 

Ricardo Medeiros salientou que o processo de licenciamento industrial foi reformulado em 2012, tornando-se mais simplificado, com menor custo associado, menos burocrático e com um prazo de resposta mais reduzido, frisando que estas alterações “traduziram-se num ganho de competitividade do setor”.

 

O Diretor Regional, que falava à margem de uma visita à nova serragem da empresa Mariano Brum Gouveia Filhos, Lda., no concelho da Ribeira Grande, referiu que todo o processo referente ao licenciamento industrial e comunicação de ocorrências, como averbamentos, mudança de titular, suspensão ou cessação da atividade, entre outras, é efetuado através de uma plataforma própria criada para o efeito, o Portal do Licenciamento Industrial, de forma simplificada e sem quaisquer custos associados para o empresário.

 

  

“Este processo é conduzido, de forma desmaterializada, pelos serviços da Direção Regional, que se mantém como interlocutor único junto do empresário, sendo também a entidade competente para a emissão da respetiva licença, sem prejuízo de estabelecer os contatos necessários com as restantes entidades regionais envolvidas no processo”, afirmou Ricardo Medeiros, considerando que “este é um elemento extremamente clarificador para o industrial”.

 

Os estabelecimentos industriais estão agrupados em quatro tipos, nomeadamente Tipo 1, Tipo 2, Tipo 3 e Atividade Industrial Temporária, em função decrescente da sua dimensão e perigosidade para as pessoas e para o ambiente.

 

Apenas os estabelecimentos tipo 1 e 2 estão sujeitos a licença de instalação (autorização prévia), enquanto os estabelecimentos tipo 3 e as atividades industriais temporárias podem, de imediato, solicitar a licença de exploração.

 

Esta licença é emitida apenas mediante verificação, em vistoria, da conformidade da instalação ou alteração do estabelecimento industrial com as normas legais e regulamentares aplicáveis.

 

Ricardo Medeiros salientou, no entanto, que a intervenção da entidade licenciadora e das demais entidades competentes “não termina com a emissão da licença de exploração, sendo efetuado um acompanhamento contínuo da atividade desenvolvida pelos estabelecimentos industriais, procurando zelar pelos grandes princípios do licenciamento industrial, que se prendem com a salvaguarda da saúde pública e dos trabalhadores, a segurança de pessoas e bens, a higiene e segurança nos locais de trabalho e a garantia da qualidade ambiental”.

 

 “Este enquadramento representa, para além de um claro reforço da iniciativa privada, passando, desde logo, por uma maior responsabilização do empresário, também a criação de melhores condições para que as empresas açorianas do setor possam reforçar a sua competitividade no mercado, num quadro de salvaguarda e defesa do meio ambiente e numa atitude socialmente responsável”, afirmou o Diretor Regional.

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. MAROON 5
Girls Like You
2. DAVID GUETTA feat. SIA
Flames
3. IMAGINE DRAGONS
Natural
4. LADY GAGA feat. BRADLEY COOPER
Shallow
5. CALVIN HARRIS feat. SAM SMITH
Promises
6. CHEAT CODES feat. LITTLE MIX
Only You
7. LAUV
I like me better
8. TOM WALKER
Leave a light on
9. FREYA RIDINGS
Lost Without You
10. VITOR KLEY
O Sol

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores