Radio Atlântida

quinta, 16 março 2017 15:35

Governo dos Açores vai investir 170 ME nas áreas da Agricultura e Florestas

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje, na Horta, que o Plano de Investimentos para 2017 nestas áreas, no montante global de cerca 170 milhões de euros, representa um aumento de dotação “que é bem representativo do empenho do Governo em manter uma política ativa de investimento neste setor”.

 

“Esta é a melhor proposta no que às dotações destinadas à Agricultura e Florestas diz respeito nos últimos cinco anos”, frisou João Ponte, que falava na Assembleia Legislativa.

 

Na sua intervenção, salientou que o objetivo do Governo dos Açores, transversal a todas as intervenções neste Plano, “é o de aumentar o rendimento das produções regionais e estimular o incremento das exportações nas fileiras agroalimentar e agroflorestal”.

 

João Ponte recordou que, nos últimos meses, contactou com praticamente todas as organizações ligadas ao setor, “com agricultores empenhados, lavradores confiantes e viticultores determinados”, visitou explorações agrícolas modernas, pequenas e grandes indústrias, matadouros, laboratórios e serviços.

 

“Vi, escutei, estive perto, tentei compreender o melhor possível os agricultores para melhor e bem decidir e foi isso que fiz de forma determinada nestes quatro meses e é isso que continuarei a fazer no futuro”, assegurou.

 

Neste processo, o Secretário Regional constatou que "temos um setor que está preparado, consciente e ciente dos enormes desafios do próximo futuro”.

 

Na qualificação da atividade agrícola e florestal, o Plano permitirá assegurar as dotações da Região para pagamentos e investimentos no âmbito do PRORURAL+, quer na manutenção da atividade agrícola, nas medidas agroambientais, na abordagem LEADER e nas medidas florestais de desenvolvimento rural.

 

“Uma das nossas prioridades vai para o apoio ao investimento nas explorações agrícolas. Ao investir cerca de 4,5 milhões de euros do Orçamento da Região, está-se a alavancar um investimento de 25 milhões de euros de fundos com repercussões na economia regional”, sublinhou João Ponte.

 

No que se refere à ação Reestruturação Financeira das Explorações e à Reposição do seu Potencial Produtivo, destaca-se o pagamento das candidaturas no âmbito do SAFIAGRI III, que representam cerca de um milhão de euros para apoio dos juros, referentes a um plafond de investimento dos agricultores de 140 milhões euros.

 

Quanto à reestruturação do setor, assim como ao fortalecimento das suas organizações associativas, através da reforma antecipada, do apoio ao emparcelamento e do apoio às organizações de produtores, têm uma dotação de cerca de 10 milhões de euros.

 

No aumento do valor dos produtos agrícolas e florestais, o Plano coloca ao serviço da agricultura e agroindústria açoriana um montante superior a 35 milhões de euros, através do apoio ao investimento na indústria, ao abrigo do PRORURAL+, do apoio ao escoamento dos produtos agroalimentares, do apoio no âmbito da regularização dos mercados agrícolas e do apoio à qualidade e certificação.

 

A rede regional de abate, que tem registado uma melhoria substancial e significativa, fruto dos investimentos realizados nos matadouros, tem permitido aumentar de forma expressiva a exportação de carcaças.

 

Em 2016, os Açores registaram um crescimento de cerca de 22%.

 

“Estes resultados justificam o enorme investimento que o Governo Regional está a fazer na modernização da rede regional de abate, com uma dotação de 14 milhões de euros”, afirmou João Ponte.

 

O Governo Regional continua empenhado em dotar os Açores das melhores estruturas para a implementação dos planos de vigilância, combate sanitário e certificação de produtos, no cumprimento das normas internacionais para a melhoria do bem-estar animal e da segurança alimentar.

 

Nesse sentido, foi alocada à Sanidade Animal e Segurança Alimentar e ao Melhoramento Genético e Bem-Estar Animal uma verba de 4,1 milhões de euros.

 

O Plano para 2017 tem ainda como objetivo o reforço da diversificação e valorização do espaço rural, com um montante de 6,6 milhões de euros, permitindo desta forma que, através do PRORURAL+, sejam introduzidos na economia rural da Região 38,4 milhões de euros.

 

A área da diversificação agrícola nos Açores registou uma grande evolução nos últimos anos, tendo o número de produtores aumentado e a área cultivada crescido 50% em seis anos, atingindo atualmente os 1.600 hectares.

 

Os Açores, segundo João Ponte, "têm feito um trabalho notável na melhoria da qualidade da vinha, do vinho e dos processos de produção".

 

O novo programa VITIS nos Açores, cujas candidaturas estão a decorrer, dispõe de mais de 3,5 milhões de euros de dotação e é mais uma oportunidade que os empresários e os viticultores têm para apostar nesta área, que tem tido um crescimento relevante e projetado o bom nome dos Açores no exterior.

 

A Formação Profissional, Experimentação, Aconselhamento e Divulgação Agrícola possui uma dotação de três milhões de euros.

 

O Plano de Formação Profissional prevê um total de 130 ações, envolvendo mais de dois mil formandos, num investimento total que rondará os 240 mil euros.

 

No capítulo das infraestruturas agrícolas e florestais inserem-se as obras de beneficiação do Pavilhão Multiusos do Parque de Exposições do Faial, a elaboração do projeto do Centro de Exposições e Feiras da ilha Graciosa, ações de remodelação de infraestruturas de sanidade, higiene e bem-estar animal e o equipamento do novo Laboratório Regional de Veterinária.

 

A decorrer estão também as obras da empreitada de construção do Parque Multissetorial da Ilha Terceira, que ficarão concluídas no corrente ano.

 

“O nosso sentido de inconformismo e vontade de fazer sempre mais certamente tornarão o setor melhor através de um trabalho coletivo de múltipla responsabilidade”, frisou João Ponte. 

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. FRANCISCO CUNHA feat. SAM JAMES
Out of Frame
2. MARTIN SOLVEIG feat. ALMA
All Stars
3. CALVIN HARRIS feat. PHARRELL WILIAMS, KATY PERRY & BIG SEAN
Feels
4. JAMES ARTHUR
Safe Inside
5. THE CHAINSMOKERS feat. COLDPLAY
Something Just Like This
6. KALEO
Way down we go
7. RICKY MARTIN feat. MALUMA
Vente Pa’ Ca
8. RIHANNA
Love on the brain
9. SELENA GOMEZ
Bad Liar
10. ANASTACIA
Caught in the middle

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores