Radio Atlântida

quinta, 14 fevereiro 2019 15:24

Futuro da Cooperativa Leite Montanha está nas mãos dos produtores de leite da ilha do Pico, alerta João Ponte

Futuro da Cooperativa Leite Montanha está nas mãos dos produtores de leite da ilha do Pico, alerta João Ponte Gacs

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas alertou, em S. Roque do Pico, que a redução da produção de leite nesta ilha põe em causa a rentabilidade da produção de queijo e de manteiga da Cooperativa Leite Montanha, bem como a sua viabilidade económica.

 

“O futuro da cooperativa está nas mãos dos produtores de leite da ilha do Pico. Em seis anos a Cooperativa perdeu 2,5 milhões de litros de leite. Se a produção de leite continuar a diminuir, como aconteceu em 2018, com uma redução nas entregas de 15%, a viabilidade e a rentabilidade da cooperativa fica em risco”, afirmou João Ponte, que falava quarta-feira na apresentação, na ilha do Pico, das alterações do POSEI 2019.

 

João Ponte assegurou que o Governo dos Açores esteve, está e estará sempre disponível para ajudar a criar soluções sólidas para o crescimento da produção leiteira na ilha do Pico, mas, se os produtores não se mobilizarem neste sentido, de nada servirá.

 

 

“O Governo Regional cumpriu a sua parte, apoiando de forma muito expressiva o investimento de remodelação da fábrica e a reestruturação do setor leiteiro no Pico, mas é importante que, agora, os produtores cumpram a sua parte, ou seja, produzir mais leite para entregar na fábrica”, salientou o governante, reconhecendo que, apesar do preço do leite pago ao produtor ser pouco estimulante, é um rendimento certo e garantido, e alertando que “quanto menos leite a fábrica receber mais ineficiente é a sua exploração e mais dificuldades terá em pagar melhor o leite aos produtores”.

 

João Ponte afirmou que os Açores continuarão a gerar mais emprego, riqueza e desenvolvimento económico se produzirem bens transacionáveis, como é o caso dos produtos lácteos, daí a necessidade dos produtores continuarem a acreditar e apostar no setor leiteiro na ilha do Pico.

 

No setor da carne, João Ponte referiu que também existem desafios importantes a vencer, não só ao nível do crescimento do número de abates no Pico, mas também da desmancha e embalamento como forma de valorizar melhor a carne de bovino produzida na ilha.

 

“Apesar do crescimento do número de abates no Pico nos últimos quatro anos, mais 33%, o Governo dos Açores considera que ainda há margem para crescer, pois no ano passado foram exportados vivos 2.900 animais”, disse o governante, apontando como bom exemplo na valorização da carne do Pico o trabalho que a Verde Atlântico tem vindo a fazer, com “um projeto que valoriza a carne e deixa mais riqueza na Região”.

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. MAROON 5
Girls Like You
2. DAVID GUETTA feat. SIA
Flames
3. IMAGINE DRAGONS
Natural
4. LADY GAGA feat. BRADLEY COOPER
Shallow
5. CALVIN HARRIS feat. SAM SMITH
Promises
6. CHEAT CODES feat. LITTLE MIX
Only You
7. LAUV
I like me better
8. TOM WALKER
Leave a light on
9. FREYA RIDINGS
Lost Without You
10. VITOR KLEY
O Sol

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores