Imprimir esta página
sexta, 14 setembro 2018 09:23

Grupos Ocidental e Central serão os mais afetados pela tempestade tropical Helene

Grupos Ocidental e Central serão os mais afetados pela tempestade tropical Helene IPMA

O centro da tempestade tropical Helene localizava-se, às 21h00, desta quinta-feira,  aproximadamente, a 1540 km a Sudoeste Açores  dos Açores. A tempestade está a deslocar-se para norte com uma velocidade de 30 km/h. 

Carlos Ramalho, meteorologista da delegação regional do Instituto Português do Mar e da Atmosfera refere que “os últimos resultados indicam um desvio da trajetória mais para leste do que o previsto no comunicado anterior, pelo que é provável (probabilidade entre 40 a 70 %) que o centro da tempestade atravesse a zona entre os grupos ocidental e central - isto significa que o vento e a agitação marítima deverão ser mais elevados do que inicialmente previsto nas ilhas do grupo central. É pouco provável (probabilidade entre 20 a 40 %) que o centro da tempestade passe pelo grupo oriental”.

 

Segundo o meteorologista “prevê-se a partir da tarde/noite de sábado e madrugada de domingo que o vento sopre forte a muito forte do quadrante sul com rajadas até 120 km/h, chuva forte e ondas do quadrante sul entre 6 a 8 metros de altura significativa nos grupos ocidental e central”.

 

Carlos Ramalho acrescenta que “para o grupo oriental, prevê-se que a precipitação seja por vezes forte a partir de sábado e o vento deverá aumentar de intensidade no domingo. A ondulação deverá ser de sudoeste de 3 a 5 metros de altura significativa durante este período.

Informação Adicional

  • Fonte: IPMA /Rádio Atlântida

Itens relacionados