Radio Atlântida

segunda, 11 dezembro 2017 15:36

Estratégia cria condições para os Açores vencerem o desafio do combate à pobreza, afirma Vasco Cordeiro

Estratégia cria condições para os Açores vencerem o desafio do combate à pobreza, afirma Vasco Cordeiro Gacs

O Presidente do Governo afirmou que a Estratégia Regional de Combate à Pobreza e Exclusão Social, que hoje foi apresentada publicamente, constitui uma aposta de longo prazo na criação das condições estruturais necessárias para os Açores vencerem este tipo de fenómenos.

 

“O desafio que deixo a todos aqueles que aqui estão, e a todos aqueles que, por vosso intermédio, podem ser mobilizados para este objetivo, é que adiram e que engrossem as fileiras deste combate”, frisou Vasco Cordeiro, na apresentação e lançamento da discussão pública da proposta de Estratégia Regional de Combate à Pobreza e Exclusão Social 2018-2028 (ERCPES), que decorreu na Escola Básica Integrada Roberto Ivens, em Ponta Delgada.

 

Na sua intervenção, o Presidente do Governo salientou que este processo de consulta pública, que decorre até 31 de janeiro, constitui um desafio à participação de todos quantos se quiserem pronunciar sobre o documento agora apresentado, para que "esta estratégia deixe de ser a estratégia do Governo para passar a ser a estratégia da Região”.

 

 

Vasco Cordeiro, que estava acompanhado do Vice-Presidente do Governo, da Secretária Regional da Solidariedade Social, e dos secretários regionais da Educação e Cultura, da Saúde e Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares, que tem a área da juventude, sublinhou que o Governo assume a responsabilidade de dar o impulso e de incentivar a forma como os Açores podem vencer este desafio.

 

O objetivo é que, no final deste processo, esta possa ser uma estratégia adotada e assumida pelas entidades públicas e privadas e por “todos aqueles que respondem presente a esta oportunidade histórica de termos este tipo de abordagem a um assunto verdadeiramente estrutural e desafiante para o nosso futuro, como Povo e como Região”, disse.

 

Segundo assegurou, uma das motivações do Executivo ao avançar com este processo tem a ver com a decisão de “não deixar ninguém para trás”, no momento em que se estão a consolidar os sinais de recuperação económica e social na Região, caso do crescimento económico, da redução acentuada da taxa de desemprego e da capacidade da economia de criar cada vez mais emprego.

 

“Acredito que todos os Açorianos têm a capacidade de serem parte na construção do nosso futuro coletivo, mas também assumo a responsabilidade, como Presidente do Governo e vinculo todo o Governo a esta responsabilidade, quanto ao facto de criarmos as condições para que todos possam, realizando-se a si próprios, ajudar a realizar o nosso futuro coletivo”, destacou.

 

Depois de salientar que a ERCPES não pretende ser uma compilação de apoios sociais ou um somatório de medidas, o Presidente do Governo destacou a transversalidade da estratégia apresentada ao nível do envolvimento dos vários departamentos, salientando que a sua apresentação numa escola simbolizou, exatamente, a importância que a educação tem para a concretização destes objetivos.

 

“Este não é um documento e um processo que daqui a dois ou três anos possamos dizer que está resolvido. A questão tem a ver com a dimensão e a complexidade do desafio com que nós estamos confrontados”, salientou Vasco Cordeiro.

 

A ERCPES 2018-2028 assenta em quatro prioridades estratégicas, nomeadamente assegurar a todas as crianças e jovens, desde o início de vida, um processo de desenvolvimento integral e inclusivo, reforçar a coesão social na Região, promover uma intervenção territorializada e garantir o conhecimento adequado sobre o fenómeno da pobreza na Região.

 

Esta Estratégia está disponível para consulta pública no endereço eletrónico http://www.azores.gov.pt/Portal/pt/principal/homepage.htm

 

Ao nível do modelo de governação, a ERCPES, além do Conselho Estratégico, prevê uma Comissão Científica, órgão a quem caberá o acompanhamento e aconselhamento científico das medidas e ações a implementar.

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. ARIANA GRANDE
No tears left to cry
2. SHAWN MENDES
In my blood
3. DAVID GUETTA feat. SIA
Flames
4. JESS GLYNE
I'll be there
5. LIAM PAYNE feat. J. BALVIN
Familiar
6. MARSHMELLO feat. ANNE-MARIE
Friends
7. BEBE REXHA feat. FLORIDA GEORGIA LINE
Meant to be
8. CAMILA CABELLO
Never be the Same
9. JAMES BAY
Wild Love
10. ZAYN
Let Me

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores