Radio Atlântida

quarta, 20 setembro 2017 09:36

Empregabilidade e comunicabilidade são as principais dificuldades apresentadas pela comunidade surda

Empregabilidade e comunicabilidade são as principais dificuldades apresentadas pela comunidade surda ASISM

Empregabilidade e comunicabilidade são as principais dificuldades apontadas pela comunidade surda no que diz respeito à sua interação com a comunidade. Quem o afirma é a diretora técnica da Associação de Surdos da Ilha de São Miguel (ASISM).

 

Isabel Castro e Silva que falava em véspera dos Dias Nacional e Internacional do Surdo revela que apesar de todos os constrangimentos a população está mais sensibilizada para este problema.

 

“ Atualmente já há uma maior abertura, uma maior visibilidade da comunidade surda naturalmente que é ainda uma luta diária e há muito trabalho a ser feito, nem que seja na acessibilidade dos surdos, nos serviçoes, na educação, na saúde  na vida quotidiana há todo o tipo de trabalho que tem de ser feito, mas naturalmente que há uma grande diferença dos surdos há 10 anos e atualmente as pessoas estão mais integradas, as pessoas têm maior autonomia.” A diretora técnica refere que “a maior limitação da pessoa surda é sempre a nível da comunicação, a nivel da compreensão da informação e a nível da produção para os surdos, tendo em conta a limitação auditiva, muitas das vezes limitam-se ao seu nível de oralidade, naturalmente que a acessibilidade ao mercado de trabalho é reduzida”. 

 

Mesmo assim a coordenadora da ASISM afirma que é necessário sensibilizar ainda mais a comunidade ouvinte, quer nas escolas, nos serviços públicos como em todas as áreas de forma que a comunicação se torne mais fácil. 

 

Integrada na Semana Internacional da Pessoa Surda e para celebrar os Dias Nacional e Internacional do Surdo, que se comemoram no domingo, dia 24,  a associação preparou para sábado um programa com várias atividades de forma a que as pessoas despertem para a problemática  da deficiência auditiva e que olhem para a Língua Gestual Portuguesa (LGP) como uma forma de integração social. 

 

“O objetivo no fundo é levar os surdos à rua, de certa forma sensibilizar para a comunidade surda e para a Lingua Gestual Portuguesa”.

A coordenadora da instituição revela que “no sábado, a partir das 16h00, junto à Tabacaria Açoriana, nós vamos ter diversas atividades relacionadas com a LPG, exposição de alguns materiais da instituição, vai haver workshop de língua gestual e atividades para as crianças. A partir das 18h00 haverá ‘Yoga do Riso’ com Délia Oliveira teremos, também, poesia em LGP com Ema Gonçalves e pelas 18h30 o concerto do Nuno Cabral, seguido do concerto de Sara Cruz, sendo que todas essas atividades estão inteiramente traduzidas em LGP.”

 

Isabel Castro e Silva sublinha que a  ASISM tem ao longo dos anos realizado diversas ações de formação e que se encontram abertas inscrições para o Workshop de Língua Gestual Portuguesa com duração de 30 horas e um custo de 40 euros. Para obter mais informações os interessados deverão contactar a associação pelo 296 281 006.

 

De acordo com os censos de 2011, nos Açores existem 10 mil pessoas com perda auditiva, sendo que 557 são surdos profundos. 

Informação Adicional

  • Fonte: Rádio Atlântida
 

 

Destaques

  • 1
  • 2
  • 3
 

Top Atlântida

1. ARIANA GRANDE
No tears left to cry
2. SHAWN MENDES
In my blood
3. DAVID GUETTA feat. SIA
Flames
4. JESS GLYNE
I'll be there
5. LIAM PAYNE feat. J. BALVIN
Familiar
6. MARSHMELLO feat. ANNE-MARIE
Friends
7. BEBE REXHA feat. FLORIDA GEORGIA LINE
Meant to be
8. CAMILA CABELLO
Never be the Same
9. JAMES BAY
Wild Love
10. ZAYN
Let Me

Últimas Notícias

 

Live Cam

Inquérito Atlântida

Já alguma vez doou sangue?

 

Pedido de Informações:

Contactos:

  (+351) 296201910
    (+351) 917209720
    (+351) 963232222
  geral@radioatlantida.net

Morada:

Rua Bento José Morais
nº23, Andar: 5º Sul
9500-772 Ponta Delgada
São Miguel – Açores